Grupo de Trabalho de Sociolinguística, 35 anos depois

reflexões e cenários

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18309/ranpoll.v52iesp.1583

Palavras-chave:

Apresentação, Sociolinguística, Revista da Anpoll

Resumo

Apresentação do número especial da Revista da Anpoll, dedicado aos 35 anos do Grupo de Trabalho de Sociolinguística da ANPOLL.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Marcia dos Santos Machado Vieira, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil

Doutora e Mestre em Língua Portuguesa pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Bacharela e Licenciada em Português/Inglês pela UFRJ. É professora associada IV do Departamento de Letras Vernáculas da UFRJ. Tem experiência em pesquisa sobre variação e mudança de formas fonéticas e morfossintáticas; mudança por gramaticalização, lexicalização, mudança construcional ou construcionalização; predicação; impessoalização; auxiliaridade; temporalidade, aspectualidade e modalidade; atenuação e intensificação. Coordena, na UFRJ, o Projeto PREDICAR (Formação e expressão de predicados complexos), no qual se desenvolvem pesquisas em Linguística Funcional(-Cognitiva), Gramática das Construções e Sociolinguística. Coordena, com Vanessa Meireles Ferré (Université Paul-Valéry/Montpellier 3), o Projeto VariaR (Variação nas Línguas Românicas) desde 2019. Desde 2016, integra a coordenação do eixo temático Variação e Mudança Linguística do GT de Sociolinguística da Anpoll. Desde 2018 coordena, com Marcos Luiz Wiedemer (UERJ), o GT de Sociolinguística da Anpoll. Coordena, com Juliana Bertucci Barbosa (UFMT), a Comissão da Área de Sociolinguística da ABRALIN. É membro do Comitê de Ética em Pesquisa do IESC/UFRJ e de NDE de cursos da Faculdade de Letras/UFRJ. É editora-chefe da Revista Diadorim: estudos linguísticos e literários do Programa de Pós-Graduação em Letras Vernáculas/UFRJ. 

Marcos Luiz Wiedemer, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, São Gonçalo, Rio de Janeiro, Brasil

Doutor em Estudos Linguísticos pela Universidade Estadual Paulista (UNESP-Rio Preto), e cursou ainda o doutorado sanduíche na Erfurt Universität (Erfurt-Alemanha), na área de Linguística, sob a orientação do Prof. Dr. Christian Lehmann. Mestre em Linguística pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Licenciado em Letras-Português/Inglês pela Universidade Regional de Blumenau (FURB). Atualmente é professor adjunto de linguística - 40 horas com dedicação exclusiva e Coordenador Geral do PPLIN - Programa de Pós-graduação em Letras e Linguística (Stricto Sensu) - gestão (2016-2018/2018-2020). Foi Chefe do Departamento de Letras (gestão 2015-2016) da Faculdade de Formação de Professores/Universidade do Estado do Rio de Janeiro (FFP/UERJ) - São Gonçalo/RJ. Foi professor do Centro Sul-Brasileiro de Pesquisa, Extensão e Pós-Graduação (CENSUPEG) de 2011-2013; e editor-chefe da Revista Científica do CENSUPEG. É membro (pesquisador) do Grupo de Estudos Discurso & Gramática (UFF) e do Grupo de Pesquisas ?Grupo de Estudos Sociofuncionalistas? (UFMS). Juntamente com Marcia dos Santos Machado VIeira coordenada o GT-Sociolinguística da ANPOLL (2018-2020). Atua na área de docência (graduação e pós-graduação) e pesquisa em linguística, língua portuguesa e metodologias. Possui publicações em anais de eventos nacionais e internacionais, e em periódicos especializados. Áreas de interesse: Gramática das Construções; Linguística Centrada no Uso; Variação e Mudança; Sociolinguística Cognitiva.

Referências

BRANDÃO, Silvia Figueiredo. GT de Sociolinguística. Revista da Anpoll, v. 1, p. 95-102, 1985.

CASTAGNA, Vanessa Ribeiro; QUAREZEMIN, Sandra (Orgs.) Travessias em língua portuguesa: pesquisa linguística, ensino e tradução. Veneza: Edizioni Ca’ Foscari, 2020.

CAPPELLE, Bert. Particle placement and the case for “allostructions”. Constructions, Special Volume 1, p. 1–28, 2006.

ECKERT, Penelope. Three waves of variation study: the emergence of meaning in the study of sociolinguistic variation. Annual Review of Anthropology, Palo Alto, n.41, p.87-100, 2012.

ECKERT, Penelope. Meaning and linguistic variation: The Third Wave in sociolinguistics. Cambridge: Cambridge University Press, 2018.

ECKERT, Penelope; MCCONNELL-GINET, Sally. Think practically and look locally: Language and gender as community-based practice. Annual Review of Anthropology 21, p. 461-90, 1992.

KOHN, Mary, WOLFRAM, Walt; FARRINGTON, Charlie; RENN, Jennifer; HOFWEGEN, Janneke Van. African American Language: Language Development from Infancy to Adulthood. Cambridge University Press, 2020.

MACHADO VIEIRA, Marcia dos Santos; WIEDEMER, Marcos Luiz. Sociolinguística Variacionista e Gramática de Construções: os desafios e as perspectivas de compatibilização. In: MACHADO VIEIRA, Marcia dos Santos; WIEDEMER, Marcos Luiz. Dimensões e experiências em Sociolinguística. Blucher, 2019, p. 85-120.

MACHADO VIEIRA, Marcia dos Santos; WIEDEMER, Marcos Luiz. A variação no modelo construcionista da Linguística Funcional-Cognitiva. In: BRESCANCINI, Cláudia Regina; MONARETTO, Valéria Neto de Oliveira. (Orgs.). Sociolinguística no Brasil: textos selecionados. Porto Alegre: Editora da PUCRS, 2020, p. 265-304.

MESTHRIE, Rajend; SWANN, Joan; DEUMERT, Ana; LEAP, William L. Introducing Sociolinguistics. 2.ed. Edinburgh: Edinburgh University Press, 2010.

RAMOS, Jania Martins. (Org.) Estudos Sociolinguísticos: os quatro vértices do GT da ANPOLL. Belo Horizonte: FALE/UFMG, 2006.

SAVEDRA, Mônica Maria Guimarães. Estudos e pesquisas em Sociolinguística no contexto plurilíngue do Brasil. Revista da ANPOLL, v. 1, n. 29, p. 219-234, 2010.

TRAUGOTT, Elizabeth Cross; TROUSDALE, Graeme. Constructionalization and Constructional Changes. Oxford: Oxford University Press, 2013.

VANDRESEN, Paulino. A trajetória do GT de Sociolinguística da ANPOLL – 1985-2001. In.: RONCARATI, Claudia; ABRAÇADO, Jussara. Português Brasileiro: contato linguístico, heterogeneidade e história. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2003, p. 13-29.

WIEDEMER, Marcos Luiz; MACHADO VIEIRA, Marcia dos Santos. Variação na Gramática de Construções do português: estudos empíricos. Revista Uniabeu, v. 12, n. 1, p. 1-12, 2021.

Publicado

2021-09-27

Como Citar

Machado Vieira, M. dos S., & Wiedemer, M. L. (2021). Grupo de Trabalho de Sociolinguística, 35 anos depois: reflexões e cenários. Revista Da Anpoll, 52(esp), 9–26. https://doi.org/10.18309/ranpoll.v52iesp.1583