Contextos Sociopolíticos e Históricos da Mulher em A Streetcar Named Desire, de Tennessee Williams, a partir dos Dilemas Morais de Kohlberg

Luis Marcio Arnaut de Toeldo

Resumo


Os Estágios de Desenvolvimento e Dilemas Morais propostos por Lawrence Kohlberg são utilizados como instrumento de análise dramatúrgica para identificar os contextos sociais, políticos e históricos da figuração da mulher na peça A Streetcar Named Desire de Tennessee Williams. A partir destes estágios, procede-se a uma investigação para revelar o aprofundamento dos substratos ficcionais trabalhados pelo autor no que diz respeito à condição da mulher em sua obra, trazendo à tona como ela é lida e compreendida na sociedade. Evidencia-se, por fim, que a história da mulher é predominantemente atrelada aos valores patriarcais. Os Dilemas Morais propostos por Kohlberg, portanto, mostram-se instrumentos proficientes para a análise dramatúrgica, indo além da leitura hegemônica da obra do autor.


Palavras-chave


Tennessee Williams; A Streetcar Named Desire; Dramaturgia Norte-americana; Lawrence Kohlberg; Dilemas Morais.

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.18309/anp.v1i50.1273

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2019 Luis Marcio Arnaut de Toeldo

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.