O gestus social em Brecht: uma análise acerca de Histórias do Sr. Keuner

Thaís Aparecida Domenes Tolentino

Resumo


Este trabalho tem como objetivo, a partir da aproximação entre elementos estéticos e teóricos, debruçar-se sobre o conceito de gestus social na obra de Bertolt Brecht, com atenção especial voltada para a relação entre sua teoria do teatro épico e seus escritos em prosa concatenados em Histórias do sr. Keuner. Ao considerar a produção artística como um laboratório experimental de (des)montagem de pormenores significativos, as fronteiras entre formas de arte e formas de vida se diluem numa reinvenção da técnica de linguagem. Além disso, ao tomar a história como montagem, no caminho contrário ao historicismo clássico, ele desestabiliza paradigmas epistemológicos da história da arte para pensar a arte construída a partir da sobrevivência de imagens – gestus.


Palavras-chave


Bertolt Brecht; gestus; Histórias do Sr. Keuner

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18309/anp.v51i3.1441

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2020 Thaís Aparecida Domenes Tolentino

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.