O gestus social em Brecht: uma análise acerca de Histórias do Sr. Keuner

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18309/anp.v51i3.1441

Palavras-chave:

Bertolt Brecht, gestus, Histórias do Sr. Keuner

Resumo

Este trabalho tem como objetivo, a partir da aproximação entre elementos estéticos e teóricos, debruçar-se sobre o conceito de gestus social na obra de Bertolt Brecht, com atenção especial voltada para a relação entre sua teoria do teatro épico e seus escritos em prosa concatenados em Histórias do sr. Keuner. Ao considerar a produção artística como um laboratório experimental de (des)montagem de pormenores significativos, as fronteiras entre formas de arte e formas de vida se diluem numa reinvenção da técnica de linguagem. Além disso, ao tomar a história como montagem, no caminho contrário ao historicismo clássico, ele desestabiliza paradigmas epistemológicos da história da arte para pensar a arte construída a partir da sobrevivência de imagens – gestus.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Thaís Aparecida Domenes Tolentino, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina,

Graduação em Letras - habilitação única em Língua Inglesa e Literaturas correspondentes pela Universidade Estadual de Maringá (2007 - 2011). Mestrado no Programa de Pós-graduação em Letras na Universidade Estadual de Maringá (UEM)/2013, na área Literatura e Historicidade. Doutoranda no Programa de Pós-graduação em Literatura da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Downloads

Publicado

2020-12-31

Como Citar

Tolentino, T. A. D. (2020). O gestus social em Brecht: uma análise acerca de Histórias do Sr. Keuner. Revista Da Anpoll, 51(3), 44–53. https://doi.org/10.18309/anp.v51i3.1441

Edição

Seção

Estudos Literários (2020)